Kodi – Evitando travamento da IPTV on line – Vídeo Cache Size – Passo 5 de 6

     0

Caso você tenha chego até este post e tenha ficado com alguma duvida ou já não se recorda muito bem de alguma etapa anterior, veja o que vimos até agora:

Como todos os projetos, são necessários ajustes para que possamos ter um melhor aproveitamento. Com nosso Kodi não seria diferente. Logo que começamos usar IPTV, ou assistir filmes e series através de Streaming, começamos a notar travamento na execução do vídeo e em alguns casos até encerramento da mídia. Neste Post, vamos explicar sobre configuração da opção Vídeo Size Cache.

Quando você está assistindo um vídeo on line, seja no seu computador, em seu celular, ou outros dispositivos, pequenos pedaços do arquivo são baixadas constantemente e armazenadas no seu dispositivo. E a partir desses pedaços que ocorre a reprodução do vídeo. Estes pequenos pedaços são chamados de Cache. Desta forma, mesmo que ocorra uma redução temporária ou uma pequena interrupção na rede (Internet), você não perceberá, ou pelo menos não deveria.

O que acontece é que o Kodi, foi projetado para rodar em diversos dispositivos dispositivos e em muitos deles, com menos memória que a nossa Raspberry, por este motivo, ele vem configurado com cache de 60 MB, e na Raspberry, sobra bastante memória. O cache tem um tamanho ideal a ser definido, se for pequeno, você terá problemas com travamento  e se for grande mais, teremos problema com o cache ocupar espaço da memória impedindo de o sistema rodar corretamente, gerando lentidão e outros incomodados.

Primeiro, precisamos saber, quanto de memória temos disponível para usar. Sega esses passos:

Acesse as configurações do Kodi, clicando na Engrenagem.

Na tela que se segue, vamos procurar e entrar na opção Dados do Sistema.

Agora, observe e anote este numero que está em destaque. Vamos precisar dele para calcular o cache ideal.

Vamos precisar adicionar um Addon para poder ter acesso as configurações de cache. A este ponto você já deve estar familiarizado com este procedimento, mas se ainda não está acostumado, pode relembrar revendo nosso post – Adicionando addons ao Kodi.

Vá em configurações > Gestor de Arquivo > Adicionar origem

Adicione o seguinte link para usarmos o repositório da Fusion.tvaddons. Detalhe importante, o link abaixo é com .CO mesmo, não é .com, tome cuidado quando digitar.

http://fusion.tvaddons.co/

Depois va em Addons > instalar de a partir de um arquivo ZIP > tvaddons > kodi-repos > english

Na lista a seguir vamos ver vários repositórios, vamos procurar pelo xbmchub.3.0.0.ZIP

Você irá ver uma notificação informando que o repositório foi instalado, pode demorar alguns segundos dependendo da sua conexão de internet e do hardware que você estiver usando. Depois que ver a notificação, vá em instalar via repositório, procure por TVADDONS.CO add-on Repository.

Ao entrar neste repositório, procure e entre em Addons de Programas, na lista que se segue, vamos procurar por Easy Advanced Settings.

Clique em instalar e aguarde a notificação informando o sucesso na instalação. Clique novamente no nome do programa acima e desta vez vamos clicar em abrir. Deste ponto em diante recomendo que você siga com cautela e prestando bastante atenção. Clique na Primeira opção, Edit Settings.

Na tela a seguir, procure pela opção Network Settings.

E depois em Network.

Enfim chegamos na tela onde vamos fazer as alterações, as 4 primeiras opções nos não vamos mexer, elas vão permanecer com a opção Disabled, pule direto para a quinta opção, cachemembuffersize.

Na tela a seguir, vamos preencher com o novo valor de buffer. Para isso vamos precisar daquele numero que você precisou anotar, com a memória livre disponível. No nosso caso, era 418MB. Por segurança vamos retirar 20% deste valor, a forma mais rápida de fazer isso é multiplicar por 0,8.

418 x 0,8 = 334,4

Vamos pegar o resultado e dividir por 3. A razão por qual você vai ter que dividir por três, está descrita na imagem a cima. Na parte do testo da imagem onde está descrita “Warnning: for the bytes set here, XBMC will consume 3C the amount of RAM.” a tradução deste trecho é

Aviso: para os bytes definidos aqui, o XBMC consumirá 3x da quantidade de RAM.

334,4 dividido por 3 = 111,46

Outro detalhe já descrito no trecho acima é que o valor tem que estar me Bytes. Até o momento calculamos tudo em Mega Bytes, para converter o valor, precisamos multiplicar o valor encontrado acima por 1024 e o resultado vamos multiplicar novamente por 1024, isso por que a cada 1 Mb é formardo por 1024 Kilo bytes e 1 Kb é formado por 1024 Bytes. Para dar certo, arredonde o valor para baixo, considere somente 111Mb.

111 x 1024 x 1024 = 116391936

No lugar de Disabled, digite o valor que encontramos.

Na sexta Opção, Buffermode, vamos selecionar a opção 1. Está opção faz com que o sistema use somente a quantidade de memória definida a cima, para todo o sistema.

Na sétima e ultima opção, Readbufferfactor, altere de Disabled para 4.0

Precisamos voltar a tela inicial do Easy Advanced Settings (imagem a baixo), para isso basta clicar nos dois pontos (..) no inicio de cada lista de opções, eles tem a função de retorno.

Está opção vai gravar as configurações que fizemos em um arquivo XML, que irá ser adicionado ao sistema do nosso Kodi. Assim que clicar, aparecerá uma notificação informando o sucesso da criação do arquivo XML e após isto, conclui – se o processo de configuração de buffer.

Volte até a tela inicial e vamos reiniciar para garantir que as configurações sejam carregadas. No canto esquerdo, clique no botão de desligar e use a opção reinicializar.

Ao iniciar as configurações estarão em uso. Infelizmente, isso ajuda a reduzir os travamentos e encerramento dos vídeos e IPTV, porém, temos um problema que é mais difícil de resolver. Quando eu li, não tinha acreditei muito, mais infelizmente é verdade. O kodi, depende muito da velocidade da conexão e banda de rede, é aconcesalhavel que você use a sua Retropie conectada direto no seu roteador via cabo de rede.

Boa parte do conteúdo, da IPTV e filmes on line, acabam que são transmitidos por torrent ou sujeito a Copyright, e acaba tendo seu fluxo de dados reduzidos pela sua operadora de internet e isso acaba por gerar lentidão na sua conexão. Em alguns momentos dos dia alguns canais de IPTV, travam varias vezes em decorrência desta limitação.

Existem vários sites que oferecem VPN com a promessa de resolver este incomodo. Uma VPN é uma “Rede Virtual Privada”, que funciona como um túnel dentro da rede, da sua conexão, direto a empresa de VPN. Este túnel faz com que a prestadora de serviço, e qualquer outro monitor de conteúdo e trafego de rede, não tenham mais como visualizar o conteúdo que você consome. Testamos algumas opções de VPN gratuitas, mas o serviço gratuito é muito limitado, possuem uma quantidade de dados limitados, mas o pouco que deu para testar, realmente pode se notar uma diferença.

Em resumo, no meu ponto de vista, o Kodi é incrível, e os vários dias em que mantive ele ligado em uso, vendo meus canais favoritos de Filmes e series, fiz sem usar uma VPN, e apesar das vezes em que tive problema com lentidão da rede, foi um pouco irritante, mas nada que atrapalhasse a diversão. O que não falta com o Kodi é possibilidades.

Gostaria da sua opinião, deixe nos comentários e sua opinião. Qualquer duvida, estamos a disposição pra lhe ajudar.

E agora, vamos ao ultimo post desta serie sobre o Kodi, vamos entender um pouco mais sobre Controle remoto para o Kodi, usando o celular e o controle da sua TV.

 

Escrito por: Venancio Miranda
Revisado por: Jefferson Proesi

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *